Início Lifestyle Beber vinho emagrece? Descubra de uma vez por todas

Beber vinho emagrece? Descubra de uma vez por todas

134
Será que os benefícios do vinho também incluem uma ajuda no processo de emagrecimento?

O vinho tinto é uma bebida conhecida por seu conteúdo de flavonoides, que têm poder antioxidante. Essas substâncias são benéficas para nossa saúde, pois elas atuam neutralizando radicais livres e impedindo a oxidação do colesterol ruim (LDL), diminuindo os riscos relacionados a doenças como a aterosclerose.

Mas será que esses benefícios também incluem uma ajuda no processo de emagrecimento? O site ‘Dicas de Mulher’ explicou.

De acordo com uma pesquisa de 2009 realizada na Universidade de Harvard, nos EUA, o consumo de bebidas alcoólicas, entre elas o vinho, poderia evitar o ganho de peso. Nesse estudo, os cientistas acompanharam quase 20 mil mulheres durante 13 anos, observando seu peso e seus hábitos em relação ao consumo de álcool.

O resultado foi que, quando comparadas com as participantes que nunca bebiam, as mulheres que relatavam um consumo de bebida alcoólica de leve a moderado apresentaram um risco menor de desenvolver sobrepeso ou se tornarem obesas.

Entre as bebidas testadas na pesquisa (cerveja, vinho branco, vinho tinto e destilados), o vinho tinto foi o que mais se destacou na prevenção do ganho de peso.

Contraponto

O álcool, independente da bebida, é uma fonte de calorias vazias, que não oferecem nenhum nutriente importante para o nosso organismo. Ou seja, o consumo de álcool em excesso vai levar sim ao ganho de peso – e a uma série de outros problemas de saúde.

Portanto, para que você possa tomar seu vinho sem acumular peso e aproveitar suas propriedades antioxidantes, é necessário ter um consumo moderado e fazer algumas substituições.

Notícias ao Minuto

Comentários

comentários

Carregar mais em Lifestyle

Deixe um resposta

Seu email não será publicadoOs campos marcados são obrigatórios *

Quer mais? Veja isso.

Após protestos, Petrobras anuncia redução do diesel e da gasolina

Apenas em maio já haviam sido feitos 22 reajustes nos preços dos combustíveis. Ministros d…