Início Policial Polícia Civil procura estelionatário acusado de aplicar golpes de mais de R$ 180 mil com cheques falsos em Rancharia

Polícia Civil procura estelionatário acusado de aplicar golpes de mais de R$ 180 mil com cheques falsos em Rancharia

100
Segundo informações do delegado Pedro José da Silva ao G1, o autor utilizou os mesmos documento e assinatura falsos nos delitos.

A Polícia Civil está à procura de um homem suspeito de ter praticado estelionatos contra pelo menos duas pessoas, até o momento, em Rancharia. Os crimes começaram a ser praticados desde o mês de junho. Segundo informações do delegado Pedro José da Silva ao G1, o autor utilizou os mesmos documento e assinatura falsos nos delitos.

No primeiro caso, conforme o delegado, foi feito um depósito de R$ 3 mil em nome da vítima, que apresentou a denúncia ao perceber o estelionato.

No segundo, o homem aplicou um golpe de aproximadamente R$ 180 mil contra outra pessoa. Neste caso, foram depositados quatro cheques de, aproximadamente, R$ 45 mil cada um, todos em nome da vítima para a conta de pessoas desconhecidas.

Ainda de acordo com a autoridade policial, o autor não é conhecido em Rancharia e a corporação teve ciência dos crimes a partir das denúncias das vítimas na unidade policial, para que desta maneira as instituições financeiras lhes dessem um parecer sobre os depósitos.

“O indivíduo falsifica o cheque, ao jogar na conta ocorre o trânsito de compensação e o dinheiro demora alguns dias para entrar. As duas ocorrências indicam que a mesma pessoa praticou o delito, já que o suspeito utilizou o documento falso idêntico ao primeiro caso. Além disso, ele também usou a assinatura semelhante, como pudemos reconhecer a partir da letra”. disse Silva ao G1.

O delegado afirmou ainda ao G1 que um terceiro caso é investigado pela polícia e tudo indica que tenha tido a participação do estelionatário dos dois primeiros registros. Na ocasião, foram depositados R$ 3 mil para uma pessoa de outra localidade e a polícia não conseguiu identificar a cidade até o momento.

“Continuamos investigando o caso com as imagens que foram disponibilizadas pelas instituições financeiras. Ainda não recebemos as fotos desse último crime e estamos à procura do homem com o material que temos em mãos até agora”, explicou o delegado ao G1.

O caso foi registrado na Delegacia da Polícia Civil, em Rancharia, e segue sendo investigado.

A Polícia Civil divulgou uma imagem obtida através da câmera de segurança em uma unidade bancária, na qual o homem apontado como estelionatário aparece. Na ocasião, segundo o delegado, ele praticava o crime contra uma das vítimas, em Rancharia.

Do G1

Comentários

comentários

Carregar mais em Policial

Deixe um resposta

Seu email não será publicadoOs campos marcados são obrigatórios *

Quer mais? Veja isso.

Centrão chega a acordo para apoiar Alckmin

A aliança deve mudar a correlação de forças da eleição, dando a Alckmin capilaridade e o m…