Responsáveis por quase 50 mil alertas no Brasil, foram 18,5 mil em 3 dias

Foco principal da atenção internacional na última semana, os incêndios na Amazônia registraram alta este ano. Contudo, as queimadas no bioma sul-americano ainda ainda são menores que na África.

Países como a República Democrática do Congo e Angola tiveram mais focos de incêndios que a Amazônia. É o que fotos dos satélites da Nasa (em inglês, Agência Espacial Norte-Americana) mostram. Os registros são de 4ª (21.ago.2019), 5ª (22.ago.2019) e 6ª feira (23.ago.2019).

Segundo o site Global Forest Watch, os 2 países africanos tiveram, juntos, quase 50.000 alertas de incêndio de 4ª (21.ago) a 6ª (23.ago). O Brasil registrou cerca de 18.500 alertas nos 3 dias.

No mundo, foram 145.549 alertas de incêndio nos 3 dias. Apenas a Angola foi responsável por 20,6% do total dos focos. O Brasil, como comparação, representa 12,7% dos focos mundiais.

Por Sete Segundos

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Mundo
.