Início Cidade Em parceria com ACIPE a Prefeitura de Epitácio inicia decorações Natalinas

Em parceria com ACIPE a Prefeitura de Epitácio inicia decorações Natalinas

283

A prefeitura de Presidente Epitácio por meio das Secretarias Municipais de Turismo e Cultura e de Obras já está realizando a instalações da decoração Natalina no município.

A decoração contemplará a avenida Presidente Vargas e diversos prédios públicos dentre eles a rodoviária, o subterminal, o anfiteatro municipal “João Brilhante”, complexo administrativo, paço municipal além é claro da decoração completa da “Casa do Papai Noel” localizada na Presidente Vargas próximo a igreja Matriz.

Em razão da situação econômica que atinge o país, a prefeitura de Presidente Epitácio está reaproveitando o material utilizado na decoração natalina dos anos anteriores. O valor da economia que deve ser gerado com a reutilização não foi informado, porém segundo a prefeita Cássia, o momento é de conter gastos, e ela afirma que com a competência do Natal e sua equipe mesmo reutilizando materiais a decoração será linda e irá abrilhantar o município de Epitácio com a chegada do Natal.

Dentro dos serviços de decoração já foram realizadas as ornamentações dos postes da avenida principal, instaladas guirlandas com lâmpadas coloridas em parceria com a Associação Comercial e Industrial de Presidente Epitácio – Acipe.

A prefeita solicita que a população seja agente fiscalizador com a prefeitura, e não permita que vândalos deteriorem as decorações que estão sendo realizadas no prolongamento da avenida e demais localidades.

Os trabalhos estão sendo desenvolvidos pela equipe na Casa do Artesão, para a ornamentação da Casa do Papai Noel que deverá ser concluída até o dia 8 de dezembro.

Comentários

comentários

Carregar mais em Cidade

Deixe um resposta

Seu email não será publicadoOs campos marcados são obrigatórios *

Quer mais? Veja isso.

PF indicia Michel Temer e mais 10 pessoas no relatório final do inquérito dos portos

Ministro do STF Luís Roberto Barroso encaminhou o caso para a Procuradoria Geral da Repúbl…