Seu antigo vice, Márcio França (PSB), aparece bem próximo, em 2º, nas intenções de voto

Levantamento realizado pelo Paraná Pesquisa mostra que o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) tem o melhor desempenho nas intenções de voto em quatro cenários da disputa para o governo do Estado de São Paulo em 2022. Ele é seguido de perto pelo seu ex-vice-governador Márcio França (PSB) e dois cenários.

Em um primeiro cenário, Alckmin soma19,9% das intenções de voto, seguido de França (15,4%). Em terceiro, o petista Fernando Haddad aparece com 13,4%, enquanto Guilherme Boulos (Psol) apresenta um desempenho inédito em sua trajetória, com dois dígitos: 11,4%.

O empresário Paulo Skaf (MDB), presidente da Fiesp, também apresenta bom desempenho, com 10,2% das opções, fechando o quadro de pré-candidatos com dois dígitos nas intenções de voto.

O vereador Arthur do Val, que, como Boulos, revelou-se na campanha municipal de 2020, aparece nesse primeiro cenário com 6,4%, mais do dobro do atual vice-governador Rodrigo Garcia (DEM), que ocupa o 7º lugar, com 3,1%. Já Vinícius Poit, do partido Novo, soma apenas 0,5%.

Veja os números do Cenário 1 na disputa pelo governo de São Paulo:

Em um segundo cenário, na hipótese de o vice-governador Rodrigo Garcia não participar da disputa, o quadro não se altera: Alckmin reafirma sua liderança nas intenções de voto, com 20,8%, e França se firma em segundo lugar, com 15,4%.

Nesse quadro, Haddad continua em 3º, com 13,6%, seguido de Boulos (11,5%), Skaf (10,5%), Arthur do Val (6,75) e Poit (0,5%).

Veja os números do Cenário 2 na disputa pelo governo de São Paulo:

No Cenário 3, sem Alckmin, o socialista Márcio França assume a liderança nas intenções de voto, com 18,6%, seguido de Haddad (16,2%), Skaf (13,2%, Boulos (12,2%) e Arthur do Val (7,1%).

O atual vice-governador Rodrigo Garcia, nesse quadro, melhora o seu desempenho em relação ao cenário com Alckmin candidato, chegand a 6,2%. Poit, do Partido Novo, vai a 0,7%.

Veja os números do Cenário 3 na disputa pelo governo de São Paulo:

No último cenário avaliado no levantamento do Paraná Pesquisas, com a inclusão na disputa de Orlando Morando (PSDB), prefeito de São Bernardo do Campo (SP), o quadro sofre mudanças.

Nessa hipótese, ainda sem Alckmin, França somaria 18,3%, seguido de Haddad (15,8%), Skaf (12,8%, Boulos (12,2%), Arthur do Val (6,8%), Garcia (5,9%), Morando (2,9%) e Poit (0,7%).

Veja os números do Cenário 4 na disputa pelo governo de São Paulo:

O Paraná Pesquisas entrevistou 1.602 eleitores em 92 municípios de São Paulo, entre os dias 28 de abril e 1º de maio últimos.

Diário do Poder

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Política
.