Início Região Jaguatirica resgatada em rodovia é reinserida em seu habitat

Jaguatirica resgatada em rodovia é reinserida em seu habitat

21

Uma jaguatirica (Leopardus pardalis) macho foi devolvida ao seu habitat na região de Bauru, Centro-Oeste Paulista. O felino, encontrado na rodovia SP-225 – João Baptista Cabral Rennó, foi socorrido com ferimentos e levado até o centro de tratamento do Zoológico Municipal de Bauru.

Com quadro de desidratação e debilitado, o animal foi submetido a tratamento e apresentou recuperação rápida. Em duas semanas estava ativo, com cicatrização dos ferimentos sofridos na cabeça e coxa direita, conforme avaliação da equipe veterinária. Ao analisá-lo, os veterinários também encontraram um projétil alojado na patela direita, no entanto, sem ferimento aparente, o que evidencia tratar-se de um episódio já antigo, possivelmente alvo de caça predatória, uma das maiores causas de declínio da espécie (conforme Livro Vermelho ICMBio 2018).

Reintegrada ao seu ambiente natural em fase reprodutiva, a jaguatirica pode contribuir com a procriação da espécie, que se encontra em vulnerabilidade de extinção.

A soltura foi feita a 100 km de Bauru, em uma área de mata determinada pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente. Toda operação foi acompanhada por equipe ambiental da Concessionária CART – Concessionária Auto Raposo Tavares, veterinários e biólogos do Zoológico, sob a supervisão do diretor Astelio Ferreira de Moura.

A parceria entre o Zoológico e a CART garante o encaminhamento e tratamento adequado de animais silvestres encontrados com ferimentos em rodovias administradas pela concessionária. “Para nós é uma sensação de dever cumprido. O trabalho que a CART desenvolve de preservação da fauna silvestre, de Bauru a Presidente Epitácio, envolve desde a instalação de uma ampla estrutura de travessia segura dos animais, com passagens de fauna e telas de condução, até a orientação a motoristas sobre a prevenção a acidentes, além do resgate dos animais e o encaminhamento para tratamento quando ocorre o acidente”, afirma Osnir Giacon, gerente de Meio Ambiente da Invepar.

Para Fernanda Abra, bióloga da Via Fauna, mestre em ecologia pelo Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo (IB/USP), a reintrodução dessa jaguatirica no meio ambiente deve ser comemorada. “Quando um animal ferido é resgatado recebe tratamento veterinário adequado, se recupera e tem a chance de retornar à natureza, isso deve ser comemorado! A CART e o Zoo formam uma parceria bem-sucedida no respeito à fauna silvestre brasileira. Vida longa a essa jaguatirica!”, celebra.

Comentários

comentários

Carregar mais em Região

Deixe um resposta

Seu email não será publicadoOs campos marcados são obrigatórios *

Quer mais? Veja isso.

O que é ANSIEDADE?

A resposta para esta pergunta é um pouco mais complexa, pois, trata-se de um sentimento va…