Início Região Operação Formigueiro prende funcionários e ex-presidente da Câmara Municipal de Taciba

Operação Formigueiro prende funcionários e ex-presidente da Câmara Municipal de Taciba

93
Segundo a Polícia Civil, já foram comprovados desvios de mais de R$ 400 mil de verbas públicas através das investigações, que já duram um ano.

T rês pessoas foram presas na tarde desta terça-feira (6), em Taciba, em decorrência da quarta fase da Operação Formigueiro, que investiga o desvio de verbas públicas da Câmara Municipal.

Foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva contra Ivone Eduardo de Souza, ex-vereadora e ex-presidente da Câmara Municipal, e Odair Aparecido Ferreira, que é diretor de Secretaria do Poder Legislativo.

Já o contador da Câmara, Norival dos Santos, foi preso temporariamente por cinco dias.

O delegado da Polícia Civil responsável pelas investigações, Claudinei Alves, explicou ao G1 que a Justiça ainda determinou, através de uma medida cautelar, o afastamento do cargo do atual presidente da Câmara, vereador Edson Vander Aragão Custódio dos Santos (DEM).

Operação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV FronteiraOperação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

Operação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

Também nesta terça-feira (6), a Operação Formigueiro também cumpriu mandados de busca e apreensão na casa do atual presidente do Poder Legislativo, em um posto de Taciba que fornece combustíveis para a Câmara e a Prefeitura e em uma empresa de medicamentos localizada em Regente Feijó.

Nesta quarta fase, além da Polícia Civil, a Operação Formigueiro conta com o envolvimento do Ministério Público Estadual (MPE), do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE) e da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo.

Operação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV FronteiraOperação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

Operação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

O delegado Claudinei Alves explicou ao G1 que as investigações da Operação Formigueiro, que já completaram um ano, têm como foco a gestão da Câmara Municipal de Taciba desde 2015.

“Já foram comprovados documentalmente, através das investigações, desvios de mais de R$ 400 mil de dinheiro público”, pontuou Alves ao G1.

Segundo o delegado pontuou ao G1, os crimes investigados pela operação são os de falsidade ideológica, uso de documento falso, peculato, ocultação de documento público, inserção de dados falsos em sistemas de informações, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Operação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV FronteiraOperação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

Operação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

Alves ressaltou que pretende ouvir nesta quarta-feira (7) a ex-presidente da Câmara Municipal Ivone Eduardo de Souza. Depois, o objetivo é também colher o depoimento do contador Norival dos Santos.

O delegado lembrou que o secretário da Câmara, Odair Aparecido Ferreira, já havia sido preso temporariamente por cinco dias, em setembro deste ano, em uma das fases da Operação Formigueiro.

Delegacia de Taciba — Foto: Heloise Hamada/TV FronteiraDelegacia de Taciba — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

Delegacia de Taciba — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

 

Os dois homens presos nesta terça-feira (6) serão encaminhados à Cadeia de Presidente Prudente. Já a ex-presidente da Câmara seguirá para a Cadeia Feminina de Dracena.

As três prisões ocorreram em Taciba – o contador estava em seu escritório, enquanto os outros dois envolvidos foram encontrados em suas respectivas casas.

“As investigações prosseguem e a expectativa é de novos inquéritos sucessivos sejam instaurados para a continuidade das apurações”, concluiu Alves ao G1.

Outro lado

G1 não conseguiu contato nesta terça-feira (6) com os advogados que respondem pelos envolvidos na Operação Formigueiro para que pudessem se manifestar sobre o assunto.

Operação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV FronteiraOperação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

Operação Formigueiro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

Câmara Municipal de Taciba — Foto: Mateus Tarifa/TV FronteiraCâmara Municipal de Taciba — Foto: Mateus Tarifa/TV Fronteira

Câmara Municipal de Taciba — Foto: Mateus Tarifa/TV Fronteira

Do G1

Comentários

comentários

Carregar mais em Região

Deixe um resposta

Seu email não será publicadoOs campos marcados são obrigatórios *

Quer mais? Veja isso.

Justiça põe Haddad no banco dos réus por R$ 2,6 mi de empreiteira

A  Justiça de São Paulo abriu ação penal contra o ex-prefeito Fernando Haddad(2013/2016) p…