Depois de notar grande dificuldade de uma aluna em enxergar as letras da apostila durante uma das aulas do Proerd – Programa Educacional de Resistência às Drogas, o Cabo PM Amaral se deslocou até a residência da aluna Brendah, a fim de descobrir o motivo por qual razão ela tinha dificuldade em participar das aulas do projeto, e sempre se queixava de fortes dores de cabeça, tendo em vista que a aluna já usava óculos.

 

Para a surpresa do policial, foi verificado que os pais da garota não tinham condições financeiras de custear as despesas com a consulta oftalmológica, bem como a aquisição das lentes corretoras. Em uma ação conjunta com a Soldado PM Thamiris, resolveram realizar a venda de uma rifa para angariar fundos e dessa forma ajudá-la, melhorando então seus estudos e seu bem estar.

Os policiais Sd PM Thamiris e Cb PM Amaral agradecem a todos que colaboraram com ação.

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Cidade e Região
.