Com a chegada do verão, período onde ocorrem grandes volumes de chuvas, a Prefeitura da Estância Turística de Presidente Epitácio, através da Secretaria Municipal de Saúde, realiza ações de intensificação em visitas domiciliares no combate ao mosquito Aedes Aegypti, que além da Dengue, transmite a Febre Chikungunya e o Zika Vírus. No município foram registrados no ano de 2019, mais de 500 casos de Dengue.

De acordo com o secretario de saúde Miguéias Alves, as ações são realizadas todas as terças e quintas-feiras, e envolve em média de 30 agentes comunitários, 8 agentes de endemias e 6 agentes visitadores. “A equipe realiza visitas casa a casa e bloqueio para conscientização à eliminação de criadouros do mosquito Aedes Aegypti, além de recolhimento de materiais inservíveis. Solicitamos a população epitaciana colabore e ajude os agentes nesta empreitada, durante a fiscalização no seu quintal”, explica.

O secretario alerta que a eliminação dos recipientes com focos, é fundamental para diminuir a proliferação. “Os recipientes encontrados nas residências visitadas são de manuseios diários dos moradores, sendo assim, é um dever dos mesmos eliminar estes tipos de recipientes”, orienta o secretario.

A Prefeitura de Presidente Epitácio disponibiliza o serviço de coleta de pneus inutilizáveis. Para isto, basta ligar no telefone 3281-1552, e agendar o horário.

A Secretaria de Saúde informa ainda que está situação de desabastecimento inseticida Malathion EW 44% – utilizado nas atividades de aplicação espacial em situações com transmissão das arboviroses – Dengue, Zika e Chikungunya, e, conforme Nota Técnica nº 02 – SUCEN SP, de 13 de Dezembro de 2019, emitido através da Secretaria do Estado de São Paulo, a previsão da chegada do veneno é para o mês de fevereiro.

“Precisamos manter os quintais livres de qualquer tipo de recipientes que acumule água que propicie o desenvolvimento das larvas do mosquito . Cada um deve fazer sua parte. Um mosquito que mata, não pode nascer”, conclui o secretario.

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Cidade e Região
.