Reajuste, que ocorre anualmente em 1º de julho, foi baseado na correção da inflação pelo IPCA entre junho de 2020 e maio deste ano

As tarifas de pedágios na região de Presidente Prudente ficam mais caras a partir desta quinta-feira. O reajuste de 8,05% foi baseado na correção da inflação pelo indicador econômico IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) entre junho de 2020 e maio de 2021.

Confira os novos valores que serão aplicados:

Caiuá

Rodovia Raposo Tavares (SP-270), km 639+000
Veículos de passeio: R$ 8,10
Veículos comerciais por eixo: R$ 8,10
Motos: R$ 4,05

Presidente Bernardes

Rodovia Raposo Tavares (SP-270), km 590+750
Veículos de passeio: R$ 10,80
Veículos comerciais por eixo: R$ 10,80
Motos: R$ 5,40

Rancharia

Rodovia Raposo Tavares (SP-270), km 512+300
Veículos de passeio: R$ 8,20
Veículos comerciais por eixo: R$ 8,20
Motos: R$ 4,10

Regente Feijó

Rodovia Raposo Tavares (SP-270), km 541+540
Veículos de passeio: R$ 8,20
Veículos comerciais por eixo: R$ 8,20
Motos: R$ 4,10

Segue critérios

A atualização da tarifa segue os critérios contratuais regulados pela Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo). De acordo com a agência, em 2020, por conta da pandemia de Covid-19, os reajustes tarifários foram adiados por cinco meses, tendo os valores sido alterados somente a partir de 1º de dezembro de 2020.

“Por se tratar de serviço essencial, nenhuma obra foi paralisada pelas concessionárias no período de quarentena, bem como foram mantidas todas as atividades operacionais, manutenção, atendimento ao usuário e prestação de socorro. Pelo contrário, campanhas e ações educativas de orientação contra o risco de contágio da doença, reforçando a importância de evitar viagens desnecessárias, foram realizadas”, expõe a Artesp.

O cálculo das tarifas de pedágio é feito utilizando-se o conceito de tarifa quilométrica, ou seja, corresponde a um valor fixo por quilômetro multiplicado pelo trecho de cobertura da praça – e que varia em função da categoria das rodovias e dos tipos de veículos.​

O Imparcial

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Cidade e Região
.