Em entrevista ao programa Morning Show, da Jovem Pan, nesta terça-feira, Ciro Gomes voltou a atacar Lula.

“Se tem um brasileiro que sabe que o Lula não é inocente, sou eu. Pela proximidade. Parte das coisas que eu sei, eu tenho que morrer com elas porque sei em confiança, isso morre comigo”, afirmou.

Ciro disse mais:

“Eu sei que o  Lula sabia que Michel Temer era corrupto e botou ele na linha de sucessão. Eu sei que ele sabia que Eduardo Cunha era ladrão e entregou Furnas para ele, Briguei com Lula por isso, e foi ali que ele roubou o dinheiro para comprar deputados e se tornar presidente da Câmara. Eu sei que o Lula sabia o que estava acontecendo na Petrobras, porque eu denunciei o Sérgio Machado na Transpetro e o Eunício de Oliveira. Então, se alguém sabe que o Lula não tem nada de inocente, sou eu.”

Entretanto, Ciro repetiu a narrativa petista de que a sentença contra Lula no processo do triplex do Guarujá é “fraca”. “No [caso do] sítio de Atibaia, a sentença [contra Lula] é mil vezes mais consistente.”

“Isso é o principal princípio do direito penal, não existe crime sem lei anterior que o defina. O Lula é acusado de receber triplex como propina. Mas estou falando de provas, não há.”

Na mesma entrevista, Ciro ainda afirmou que não é “nem Lula, nem anti-Lula”.

O Antagonista

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Política
.