A Polícia Militar Rodoviária divulgou nesta segunda-feira (24) o balanço da Operação Corpus Christi nas estradas do Oeste Paulista.

A corporação chama a atenção para o aumento no número de acidentes de trânsito com vítimas num período de quatro dias. Foram 13 ocorrências neste ano, enquanto que no ano passado foram oito.

A operação teve início à 0h de 19 de junho (quarta-feira) e encerrou às 23h59 de 23 de junho (domingo), em mais de 1,5 mil quilômetros de rodovias, em um total de 56 municípios nas regiões de Presidente Prudente, Dracena e Presidente Venceslau.

No comparativo entre 2018 e 2019, as estatísticas apresentam aumento em todas as naturezas: Veja abaixo:

Comparativo de ocorrências em rodovias

2018 2019
Acidentes com vítimas 8 13
Vítimas fatais 0 3
Vítimas graves 1 4
Vítimas leves 8 19
Acidentes sem vítimas 5 13
Total de acidentes 13 28
Infrações por dirigir sob efeito de álcool 31 46
Pessoas presas por embriaguez ao volante 1 2
Não uso do cinto de segurança 79 94
Ultrapassagem em local proibido 73 83
Imagens de excesso de velocidade 899 1.910
Ocorrências de tráfico de drogas e outros delitos 4 6
Pessoas presas por outros crimes 4 10
Quantidade de maconha apreendida 25,091 kg 1.942,375 kg
Quantidade de outras drogas 1,147 kg 60,886 kg

A corporação apontou “um aumento significativo de acidentes de trânsito, bem como suas vítimas”.

Contudo, a polícia ressaltou que, em “todos os acidentes atendidos pelo policiamento rodoviário, a conclusão que se chega, em consonância com o Denatran [Departamento Nacional de Trânsito], é que o acidente poderia ter sido evitado, pois, em 95% dos casos, a falha humana foi preponderante para a ocorrência”.

Diante do fator, o foco principal das operações “é a preservação da vida”.

“A fiscalização de trânsito foi rigorosa e encontramos um aumento significativo no número de condutores autuados pelas infrações que, comprovadamente, mais causam acidentes, tais como a embriaguez ao volante, o excesso de velocidade e a ultrapassagem em local não permitido pela sinalização viária”, declarou a Polícia Rodoviária.

Além disso, a corporação disse que fiscalização do uso do cinto de segurança “foi fundamental”, pois se trata de um equipamento capaz de salvar vidas.

Droga apreendida em Dracena no dia 20 de junho — Foto: Polícia Rodoviária/CedidaDroga apreendida em Dracena no dia 20 de junho — Foto: Polícia Rodoviária/Cedida

Droga apreendida em Dracena no dia 20 de junho — Foto: Polícia Rodoviária/Cedida

 

Do G1

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Sem categoria
.