A cidade de Presidente Epitácio terá nos próximos dias a implantação de 10 leitos de UTI – Unidade de Terapia Intensiva, destinados para pacientes que buscam tratamento da Covid-19. O anúncio foi feito pela prefeita Cássia Furlan durante entrevista exclusiva para o jornalista Wagner Bueno na Vale FM na manhã desta sexta-feira (31).

De acordo com a prefeita, a administração municipal irá utilizar parte dos recursos na ordem de R$ 5 milhões de reais destinados para a cidade pelo Governo Federal para implantar o novo serviço na Santa Casa que está sob intervenção da prefeitura. “O dinheiro que recebemos também é voltado para ações de combate ao coronavírus e estruturação do setor de saúde. Vamos adquirir os equipamentos necessários para que os leitos de UTI Covid entrem em atividade”, disse Cássia Furlan.

A previsão é de que em até 60 dias os 10 leitos estejam em funcionamento no hospital epitaciano e as ocupações serão disponibilizadas no sistema de vagas Cross – Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde, para atender pacientes de toda região e que estejam com o coronavírus. “Nesta fase de implantação da UTI  o Governo Estadual vai enviar os respiradores, mas todos os outros equipamentos serão adquiridos com os recursos que o município recebeu”, explicou Cássia.

Após a implantação os serviços serão mantidos em funcionamento com recursos financeiros recebidos de forma emergencial pelo Governo Federal.

A prefeita disse que o dinheiro é suficiente para equipar a UTI e custear os serviços por até três meses. “A manutenção é muito cara, e já estamos pedindo o credenciamento por parte do Estado para que o atendimento seja mantido no futuro. São necessários cerca de R$ 300 mil reais por mês para garantir os serviços de acordo com o estudo que já realizamos e contatos feitos com outros hospitais da região que contam com a UTI. Essa é uma luta que estamos começando e que será preciso a ajuda de todos os setores da comunidade e esferas políticas para que a UTI após aberta seja mantida de forma permanente na nossa Santa Casa”, afirmou Cássia.

Obras em prédio da UTI
Os novos leitos para atendimento na Unidade de Terapia Intensiva para pacientes com Covid em Presidente Epitácio serão instalados em uma ala de leitos separada na Santa Casa, porém, existe um projeto de construção de um novo espaço físico voltado para UTI no hospital. “Já determinei que a comissão interventora realize os estudos para levantar qual o custo necessário para finalizar essa construção. A ideia é concluir essa obra e logo que normalizar a situação da pandemia utilizar os equipamentos que vamos comprar agora para a UTI Covid na UTI permanente da Santa Casa”, disse Cássia.

O projeto da UTI Covid de Presidente Epitácio está no Departamento Regional de Saúde – DRS de Presidente Prudente e será formalizado pela Secretaria de Saúde do Estado. “Temos conversado com o diretor da DRS Jorge Chihara, e por parte do município só precisamos de tempo para comprar os equipamentos para a UTI na forma legal e fechar a equipe médica. Espero que em até 60 dias o serviço esteja funcionando”, afirmou Cássia.

“Nesse momento em que os nossos casos de coronavírus estão explodindo na região, e veio o dinheiro para ações de combate, vamos aproveitar para estruturar melhor a Santa Casa e implantar essa UTI com 10 leitos, e vamos dar o passo de acordo com nossas possibilidades. Esse é um marco que teremos e um grande avanço no objetivo de implantar esse serviço para toda comunidade, não só de Epitácio, mas de toda região”, completou a prefeita Cássia Furlan.

Aperte o play abaixo e assista entrevista completa da prefeita Cássia Furlan para o jornalista Wagner Bueno na rádio Vale 91.1 FM de Presidente Epitácio.

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Cidade e Região
.