Mesmo quando os pais se esforçam para garantir uma introdução alimentar saudável aos pequenos, produtos prontos como achocolatados de caixinhaacabam virando tentações – inclusive para as crianças. É um lanche prático, que o filho não costuma recusar.

Com tantos nutrientes destacados na embalagem, os responsáveis muitas vezes são induzidos a pensar que não há problema em oferecer a caixinha para a criança, afinal “é só leite”. Mas é só dar uma olhada nas letrinhas pequenas para mudar de ideia.

Achocolatados prontos: composição

A nutricionista Aline Vieira analisou os ingredientes de uma marca de achocolatado e fez um alerta em seu Instagram: uma caixinha equivale a aproximadamente uma colher de sopa bem cheia de açúcar refinado.

Os nutrientes em destaque no rótulo, segundo ela, são adicionados artificialmente e vêm acompanhados de 185 calorias de baixa qualidade, compostas por 29 gramas de açucares e 4,7 gramas de gordura.

Substituições saudáveis

Segundo a nutricionista, nenhuma criança precisa de uma dose tão alta de calorias, e o consumo em excesso de produtos deste tipo é um dos motivos das crescentes taxas de obesidade infantil.

Ela aconselha não introduzir achocolatados de caixinha na alimentação dos pequenos. E se eles já tomam, a dica é tentar tirar aos poucos, sem forçar, oferecendo alternativas mais saudáveis à base de frutas ou cacau em pó sem açúcar.

(VIX: Jéssica Krieger)

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Estilo de Vida
.