A motocicleta superesportiva da marca é mais uma a ser fabricada no Brasil

O Grupo BMW confirma mais R$ 4,7 milhões de investimentos para a planta brasileira da Motorrad, marca de motocicletas da alemã. Com o novo aporte, a montadora irá produzir a nova S 1000 RR. Ela se junta a outros nove modelos, que representam 99% das vendas da empresa no Brasil.

Com o novo aporte, o grupo já investiu mais de R$ 75 milhões, desde a inauguração da fábrica em Manaus (AM), para a produção local de motos. Segundo a BMW, a produção da S 1000 RR inicia ainda em setembro e irá gerar uma aumento de cerca de 175 empregos diretos e indiretos.

Fábrica BMW Motorrad em Manaus (AM). Fotos: BMW/Divulgação

“Estamos muito orgulhosos em anunciar a produção local da nova S 1000 RR, uma verdadeira superesportiva que oferece o que há de mais moderno na marca em termos de tecnologia embarcada, estilo e performance. Nós acreditamos no potencial do mercado brasileiro, sétimo maior do grupo no mundo”, afirma Alejandro Echeagaray, presidente da fábrica em Manaus.

De acordo com a Motorrad, a segunda geração da S 1000 RR está mais leve, aerodinâmica, potente e eficiente. O modelo foi apresentado, como protótipo, no BMW M Festival e no Festival Duas Rodas. A versão final chega ainda este ano às lojas do grupo no país.

Diário do Poder

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Tecnologia
.