Após atualização do Plano São Paulo nessa sexta-feira (20), o município e toda a região de Presidente Prudente que pertencem a DRS XI, regrediram para a fase vermelha, a mais restritiva, após alto índice de ocupação nos leitos de UTI destinado para o tratamento dos casos de Covid-19.

Devido ao alerta máximo do plano de reclassificação, a partir da próxima segunda-feira (22) somente os serviços essenciais poderão funcionar com atendimento presencial ao público, os demais devem oferecer o atendimento através do sistema de entrega em domicílio. Os serviços essenciais poderão exercer suas atividades até às 20h, limitado a 40% da capacidade do estabelecimento, salvo farmácias e drogarias, postos de combustível, serviço de guincho e transporte e distribuidoras de gás e água mineral que poderão funcionar 24 horas.

O Decreto Municipal n° 3.848/2021, que de acordo com o Plano São Paulo, autoriza a venda de bebida alcoólica somente até às 20h, horário este em que as luzes do estacionamento do píer, orla fluvial e prainha serão apagadas devido estar vedado o uso desses lugares. Atividades religiosas seguem autorizadas das 06 às 20 horas, devendo respeitar a permanência de 20% da capacidade das igrejas e templos.

Todo e qualquer tipo de evento fica vedado e não será emitida autorização pelo Departamento Municipal de Trânsito para a realização de interdições de vias. Ficam também proibidas atividades como shows, baladas, música ao vivo e quaisquer outros eventos e festas. Caso sejam descumpridas as determinações, serão aplicadas pelos setores e órgãos competentes as determinações previstas no Decreto Municipal n° 3.848/2021.

A administração municipal recomenda ainda que, sempre que possível, a população permaneça em suas casas e, caso seja necessário o seu deslocamento para qualquer local, que sejam adotadas todas as medidas de segurança que serão objeto de fiscalização.

Mostrar mais artigos relacionados
Mostrar mais por Gazeta Ribeirinha
Mostrar mais em Cidade e Região
.